Matérias

O que as editoras vão lançar em 2012

Conheça as novidades das editoras para o próximo ano

– 30/12/2011

Com o fim de 2011 se aproximando, algumas editoras começam a divulgar alguns de seus lançamentos para o ano que vem. Infelizmente a mídia destaca apenas os lançamentos das grandes editoras, deixando as médias e pequenas de lado. O Literatsi irá seguir por um caminho diferente. Até a penúltima semana de janeiro, iremos divulgar aqui os lançamentos programados para 2012, independente do tamanho da editora e que possam ser de interesse de nossos leitores.

 

Sá Editora

Em seu décimo aniversário, no ano de 2010, a editora criou a coleção Gesto Literário, voltada a escritores modernos de ficção poucos conhecidos do público. Os leitores tiveram a oportunidade de conhecer autores turcos contemporâneos como Tuna Kiremitçi e Oya Baydar.

A Sá anunciou que irá lançar em 2012 mais dois títulos de autores turcos. Um deles é Suflê, da escritora Asli E. Perker. Na trama do livro, três personagens encontram na cozinha o melhor remédios para os males que os atormentam. Outro, anunciado recentemente no blog da editora, é Um golpe de sorte, de Reha Çamoruglu. Na obra, um grupo de terroristas armênios se prepara para assassinar uma autoridade muçulmana.

Também foi anunciado um dos títulos nacionais a ser lançado em 2012: o livro de crônicas A metade ideal, de Judith Brito.

 

Bertrand Brasil

The finkler questionEntre os romances anunciados pela Bertrand estão dois que ganharam prêmios bastante prestigiados. Vencedor do Man Booker Prize 2010, o livro The finkler question, de Howard Jacobson, é um romance cômico obre o amor, a perda e a amizade masculina, além de falar sobre o que é ser judeu hoje em dia. Já Olive Kitteridge, de Elizabeth Strout, ganhador do Prêmio Pullitzer de 2009, traz uma professora reformada do Maine que começa a compreender a si mesma e a vida por meio dos problemas de conhecidos e pessoas próximas.

Outros romances que merecem destaque são Await your reply, Remarkable creataures e The secret scripture. O primeiro livro, escrito por Dan Chaon, é sobre almas perdidas e identidades ocultas, e cuja trama é impulsionada por três personagens que têm suas vidas entrelaçadas de forma estranha. O segundo romance foi escrito por Tracy Chevalier, autora de Moça com brinco de pérola, e traz a história de duas amigas unidas pela paixão por fósseis e que enfrentam várias adversidades na sociedade inglesa do século XIX. Escrito por Sebastian Barry, o terceiro livro tem no enredo um psiquiatra, que ao investigar a história de sua paciente mais antiga, descobre uma vida trágica marcada pela mesquinhez e pela ignorância das pessoas. Além disso, a Bertrand irá lançar mais dois livros de Nora Roberts, Dilema mortal e Dália azul.

Com relação aos livros infantojuvenis, a editora irá publicar os segundos volumes das séries Os monstros do cartógrafo, O povo das árvores e Fadas. Devido ao sucesso obtido pelo livro O desaparecimento de Katharina Linden, a Bertrand vai lançar mais um livro da escritora Helen Grant, The glass demon, uma história de suspense e horror em torno de uma garota que encontra um corpo em um pomar. Dois livros em que os protagonistas se envolvem com mundos desconhecidos cheios de criaturas fantásticas são The golden agorn, de Catherine Cooper, e Replacement, de Brenna Yovanoff. Uma das apostas da Bertrand para 2012 é o romance The book of lost things, de John Connolly, em que um garoto se envolve em uma guerra na Europa de um mundo híbrido, mistura de realidade e fantasia.

Entre os livros de não-ficção os destaques vão para La voie – Pour l’avenir de l’humanité, em que o filósofo e sociólogo Edgar Morin reflete sobre os problemas da globalização e do mundo contemporâneo; a autobiografia do filósofo Luc Ferry; e Memorias de uma infamia, da jornalista Lydia Cacho, que colocou a autora entre as pessoas mais odiadas pelos políticos e empresários mexicanos devido às várias denúncias de corrupção e injustiça feitas por ela.

Para ver as capas dos livros citados e obter mais informações, visite a página da Bertrand Brasil no Facebook.

 

Estronho

E se Alcapone fosse mulher?Conhecida pelas antologias de literatura fantástica de temas inusitados, a editora Estronho divulgou alguns de seus títulos previstos para 2012. As antologias da Estronho são uma boa oportunidade para os escritores iniciantes mostrarem o seu trabalho, pois a editora não cobra pela participação nem obriga os selecionados a vendarem uma certa quantidade de exemplares. Algumas das antologias ainda estão aceitando inscrições. Antes de participar, leia os regulamentos.

Para 2012, eis as antologias previstas: VII Demônios; Le Monde Bizarre – O circo dos horrores; História fantástica do Brasil; Quando o saci encontra os mestres do terror; Sexo, livros e rock & roll; Brinquedos… eles matam!; Carros… eles matam!; A ascensão da casa dos mortos; Suburbia, os filhos da guerra; E se Al Capone fosse mulher?; Balé dos enforcados; Mundo de Fantas e Malditas, as casas têm atmosfera.

A editora também lança um livro de não-ficção, Cantando um blues, de Isaac Soares de Souza, sobre a história do blues e sua influência sobre a música brasileira. Os segundos volumes de Livraria limítrofe, de Alfer Medeiros, e O reino dos sonhos, de Natália Couto Azevedo, estão nos planos da editora. Para os fãs de vampiro, a Estronho lança o primeiro romance de Adriano Siqueira. Outros livros previstos são Anacrônicas 2, de Ana Cristina Rodrigues; Gisele e as flores de pano, romance juvenil de M. D. Amado; Histórias de fantasia, romance de Celly Borges; e Gehenah, romance de Ghad Arddhu.

Também está nos planos da Estronho uma coleção infantil (Mundo fantástico de cor) e uma série em quadrinhos que mistura literatura fantástica e humor (Terrir), além de livros de bolsos com novelas e pequenos romances de autores nacionais.

Para mais informações sobre os livros, visite o site da Estronho.

 

Balão Editorial

A editora Flávia Yacubian contou algumas das novidades da Balão Editorial para 2012. A empresa continua investindo em quadrinhos nacionais. Mais um título com tirinhas será publicado. O artista escolhido é Leandro Robles, autor de Escola de Animais, cujas histórias já foram publicadas no suplemento infantil Folhinha, do jornal A Folha de S. Paulo. O volume irá reunir tiras inéditas e já publicadas.

A Balão pretende fazer a sua próxima “jogada” com a coleção Zug (expressão retirada do xadrez, uma jogada obrigatória que coloca o jogador em posição desfavorável ou o leva à derrota), que traz títulos “sobre a tristeza da derrota e a maneira de cada um superá-la”. Por enquanto, o nome do próximo volume da coleção a ser lançado é segredo.

Também está nos planos da Balão, uma tradução inédita da peça As you like it, de Shakespeare. O trabalho foi feito pela Cia. Elevador de Teatro Panorâmico. O livro recebeu o título Do jeito que você gosta. A protagonista da história é Rosalinda, uma jovem envolvida em uma disputa pelo poder de um ducado na França. Para salvar a vida, ela abandona a vida na corte. Para encontrar um final feliz, Rosalina irá passar por várias provações, incluindo a de se disfarçar de homem.

 

Underworld

BoneshakerA editora Underworld anunciou em seu blog alguns dos títulos que pretende lançar em 2012.

A presença de autores nacionais no catálogo da editora vai aumentar. Já está em pré-venda Sob a luz dos seus olhos, de Christine M., uma história de amor cheia de dinamismo e repleta de reviravoltas. Outro livro que logo estará na mesma situação é o chick lit Ser Clara, de Janaína Rico. Outra obra com história de amor que será lançada é 10 canções de amor, de Paulo F., em que o protagonista relembra os erros e acertos de relacionamentos anteriores para salvar o atual.

Da literatura fantástica nacional, a Underworld lança Camundo: o signo oculto, continuação de Camundo: o desenho e a sombra, do escritor e desenhista Nanuka Andrade. Do mesmo autor, também será lançado O Ladrão de Destinos, em que uma menina sonâmbula viaja para um estranho lugar para salvar o destino de recém-nascidos. Em Protetores, de Duda Falcão, indivíduos especiais protegem as pessoas de criaturas sobrenaturais como vampiros, lobisomens e fantasmas. Mais um livro de Luiza Salazar, Um toque de morte, deve chegar às livrarias em 2012.

Entre as obras estrangeiras, a Underworld irá lançar Fome, de J. M. Kessler, e 13 little blue envelopes, de Maureen Johnson. Outro destaque da editora é o livro Boneshaker, de Cherie Priest, que mistura steampunk com zumbis. Os fãs de steampunk terão motivo para comemorar. Está previsto para agosto o lançamento de The steampunk bible. Em 2012, a Underworld irá publicar a sua primeira coletânea de contos, com narrativas steampunk de autores nacionais e estrangeiros.

 

Draco

Segundo o horóscopo chinês, 2012 é o ano do dragão. A editora Draco pretende comemorar tal evento com uma série de ações. Entre elas está a antologia Dragões, que em breve estará aceitando trabalhos para seleção. Outras antologias, que estão aceitando trabalhos são Solarpunk, Super-heróis e Brasil fantástico (em parceira com o Clube de Leitores de Ficção Científica), as inscrições para as três vai até dia 31 de março. A intenção é lançar as coletâneas no Fantasticon, evento destinado à literatura fantástica. Outra antalogia que está aceitando textos, mas ainda não determinou um prazo final, é Excalibur, com histórias baseadas nas lendas arturianas.

A coleção Imaginários, que antes contava apenas com livros, passa a abranger também quadrinhos. O prazo para o envio de histórias para o primeiro volume se encerra em 31 de março.

No final do primeiro semestre de 2011, a editora Draco divulgou um trailer com os títulos que seriam lançados entre 2011 e 2012. Para este último, já estão em pré-venda as antologias Dedos não brocham, de Alessandra Safra, e Sherlock Holmes – Aventuras secretas, com organização de Carlos Orsi e Marcelo A. Galvão. Para assistir ao trailer, visite o site da editora Draco. Para aqueles que têm interesse em participar das antologias, leia os regulamentos que estão no blog da editora.

 

Argonautas

Em primeira mão, o editor e escritor Duda Falcão revelou alguns títulos que a Argonautas irá lançar em 2012: três antologias de literatura fantástica.

Organizado por Ademir Pascale, o livro Passado imperfeito traz contos fantásticos que envolvam personagens históricos. Já a antologia Autores fantásticos, com organização de Duda Falcão e Cesar Alcázar, transforma escritores famosos da literatura fantástica em personagens das histórias que compõem o livro. A série Sagas ganha mais um livro. Ainda sem título, o quarto volume será dedicado à ficção científica.

 

Companhia das Letras

O editor Luiz Schwarcz publicou em dois posts no Blog da Companhia das Letras a relação de livros previstos para 2012.

No que diz respeito à literatura brasileira, além de novas edições da obra de Carlos Drummnod de Andrade, a Companhia vai publicar obras inéditas de Carlos de Britto e Mello, Carola Saavedra, Cecilia Giannetti, Elvira Vigna, Luiz Alfredo Garcia-Roza, Marçal Aquino, Milton Hatoum e Zulmira Ribeiro Tavares. No jornal Folha de S. Paulo, a jornalista Josélia Aguiar diz que o novo livro de Hatoum, O lugar mais sombrio, sai em agosto. Enquanto o inédito de Marçal, Como se o mundo fosse um lugar bom, está previsto para o segundo semestre de 2012.

Pelo selo Penguin, serão lançados o primeiro volume da Antologia do teatro brasileiro do século XIX e novas edições de romances de José de Alencar e Lima Barreto.

Já na área dos quadrinhos brasileiros, serão lançados títulos de Angeli, Laerte, Lourenço Mutarelli, Caco Galhardo, Gustavo Duarte e Rafael Campos Rocha, e das duplas Angélica Freitas e Odyr Bernardi, Ronaldo Bressane e Fábio Cobiaco, Vanessa Barbara e Fido Nesti, e Emilio Fraia e DW Ribatski.

A lista de títulos estrangeiros de ficção é enorme. Entre eles destacamos os seguintes: Roberto Bolaño (Chamadas telefônicas), Juan Pablo Villalobos (Festa no covil), Hector Abad (Receitas para mulheres tristes), Javier Marías (Os enamoramentos), Thomas Pynchon (Contra o dia), Dennis Lehane (Estrada escura), Patricia Cornwell (Scarpetta), Georges Perec (As coisas) e José Luis Peixoto (Livro), Paul Auster (Sunset Park), David Grossman (Fora do tempo), Orhan Pamuk (A casa do silêncio), Saul Bellow (O legado de Humboldt), V.S. Naipaul (Miguel Street), Mia Couto (Histórias abensonhadas), Arthur Miller (Foco), John Boyne (O absolutista), Teju Cole (Open city) e Steve Sem-Sandberg (Os destituídos de Lodz). Há também a poesia de e Adonis, Paul Auster e Elizabeth Bishop.

Já entre as obras de não-ficção chamam a atenção: Oliver Sacks (Diário de Oaxaca e Alucinações), o livro de Siddhartha Mukherjee sobre o câncer (O imperador de todos os males), Richard Dawkins (A magia da realidade),Robert Darnton (O diabo na água benta) e Claude Lévi-Strauss (A antropologia diante dos problemas do mundo moderno e A outra face da lua). Também merecem destaque as memórias de Salman Rushdie durante o período de perseguição religiosa e os ensaios dos escritores David Foster Wallace e Jonathan Franzen. No que se refere a livros de reportagens estão previstos: Roberto Saviano (A máquina da lama), Ryszard Kapuscinski (Xá dos xás) e David Remnick (O túmulo de Lênin). Além das biografias de de Mick Jagger (por Philip Norman), Frank Sinatra (James Kaplan), Malcolm X (Manning Marable), Van Gogh (Steve Naifeh & Gregory White Smith) e Gandhi (Joseph Lelyveld), está prevista a de Stieg Larsson (Jan-Erik Petterson), autor da série policial Millenium.

Entre os quadrinhos, estão previstos títulos de Daniel Clowes (Wilson) e Craig Thompson (Habibi).

Para maiores informações sobre as obras nacionais, leia o post “Orgulho nacional”. Já para os livros estrangeiros, veja “Humano, demasiado humano”.

 

Intrínseca

O filho de NetunoA editora Intrínseca tem 34 lançamentos programados para o primeiro semestre de 2012. A partir de janeiro, a editora passa a lançar simultaneamente as versões impressa e digital de seus títulos. Até março, a Intrínseca pretende digitalizar 95% de seu catálogo.

Um dos primeiros títulos a chegar no mercado é A visita cruel do tempo, de Jennifer Egan, obra vencedora do Pulitzer de ficção de 2011. O livro trata das questões do tempo por meio das memórias de um punk e de sua assistente pessoal. A Intrínseca também irá lançar outro livro de Egan, The keep, uma história com elementos góticos em que dois primos se reencontram vinte anos depois para restaurar um castelo em ruínas no Leste Europeu. Outro destaque é o livro O circo da noite, de Erin Morgenstern, cuja história, ambientada no final do século XIX, tem como protagonistas dois aprendizes de mágico. Em Por favor, cuide da mamãe, a escritora coreana Kyung-Sook Shi mostra a fragilidade dos laços familiares e faz um retrato da sociedade coreana contemporânea. De Lionel Shriver, autora de Precisamos falar sobre o Kevin, a Intrínseca irá lançar So much for that.

Entre os livros infantojuvenis, os mais aguardados são Silêncio, de Becca Fitzpatrick, terceiro volume série Hush, hush; e O filho de Netuno, de Rick Riordan, segundo volume da série Os heróis do Olimpo. A Intrínseca também irá publicar as seguintes continuações: Como treinar o seu viking, de Cressida Cowell (série Como treinar o seu dragão), Desejos dos mortos, de Kimberly Derting (série The body finder), Os arquivos perdidos, de Pittacus Lore (série Os legados de Lorien), Parasita vermelho, de Andrew Lane (O jovem Sherlock Holmes) e Terra dos sonhos, de Alyson Noël (série Riley Bloom). Outra obra bastante aguardada é Delíro, de Lauren Oliver, primeiro volume da trilogia Delirium. A série mostra uma sociedade em que o amor é uma doença erradicada. Todos os cidadãos são curados ao completar 18 anos.

Entre os livros de não-ficção, os destaque fica por conta de Le second souffle, de Philippe Pozzo Di Borgo, que inspirou o filme Les intouchables, a quarta maior bilheteria da história do cinema francês. Na obra, Philippe Pozzo Di Borgo, ex-diretor da empresa de champanhe Pommery e herdeiro de duas grandes famílias da aristocracia francesa, narra suas memórias após o acidente de parapente que o deixou tetraplégico e sua relação com Abdel Sellou, um ex-presidiário argelino que se torna seu acompanhante.

Para ver a lista completa de títulos da Intrínseca, visite o blog da editora.

 

L&PM

Não é só a Série 64 páginas, com livros a R$ 5,00, que a editora L&PM pretende lançar em 2012. Em seu blog, a empresa anunciou alguns de seus lançamentos previstos para 2012.

Para os fãs do movimento beat, a editora irá lançar Cartas: Kerouac/Ginsberg, com a correspodência trocada por mais de duas décadas entre Jack Kerouac e Allen Ginsberg.

O novo livro de Eduardo Galeano, Los hijos de los días, é outra obra que chega em 2012. Nela, o escritor escreve uma pequena história para cada dia do ano, centrada em um fato real que aconteceu naquela data. Outro autor de língua espanhola que terá mais um título lançado pela L&PM é Juan Gabriel Vásquez, que escreveu Os informantes. O livro História secreta da Costaguana deu ao escritor o prêmio Qwerty de melhor romance espanhol (Barcelona) e o prêmio Fundación Libros & Letras (Bogotá).

De Liu Xiaobo, Prêmio Nobel que encontra-se preso pela China comunista, a editora lança Monólogos de um sobrevivente do dia do juízo final: textos escolhidos (título provisório), com textos sobre a China e poesias do autor.

Na área de não-ficção os destaques são 1961 – O golpe derrotado e À sombra da Roda da Seda. No primeiro, o jornalista Flávio Tavares conta o que viu e viveu na época em foi enviado pelo jornal Última Hora para o centro de operações do Movimento da Legalidade. Já no outro livro, o britânico Colin Thubron percorreu durante oito meses, com meios de transporte terrestres, a famosa Rota da Seda, a maior rota terrestre do planeta. Thubron foi do coração da China às montanhas da Ásia Central, andou pelo norte do Afeganistão e percorreu as planícies do Irã, chegando à Turquia.

O quinto volume de Peanuts Completo, com as tiras de Charles Schulz que vão de 1959 a 1960, e Simon’s cat, com histórias do fofo e faminto gato do desenhista Simon Tofield, são os destaques na área de quadrinhos. A editora também vai trazer o segundo volume de Aya de Youpogon, de Marguerite Abouet e Clément Oubrerie, e novos títulos da série Clássicos em quadrinhos.

Para a sua famosa coleção de livros de bolsos a L&PM vai lançar obras de Virginia Woolf, Jane Austen, James Joyce (Os dublinenses), Lawrence Ferlinghetti, Luigi Pirandello e mais Agatha Christie e Simenon. Na área de biografias, vai lançar volumes sobre Andy Warhol, Jesus, Buda, James Dean e Pasolini.

 

Cosac Naify

As descobertas de Gaspar e LisaA Cosac Naify prepara para janeiro uma coleção de quatro livros para crianças pequenas. Tendo como protagonistas dois personagens de televisão, os cachorros Gaspar e Lisa, a coleção As descobertas de Gaspar e Lisa traz em “cada volume uma situação diferente de aprendizado próprio da primeira infância: As cores, Os opostos, As formas e Os números“. Com texto de Anne Gutman e ilustrações de Georg Hallensleben, cada volume tem 16 páginas ilustradas e custa R$ 19,90. A Cosac Naify quer “publicar uma biblioteca básica para bebês, incentivando a leitura desde os primeiros anos de vida”.

Também chega em chega em janeiro mais um livro com o personagem Capitão Cueca, criação de Dav Pilkey. Em Capitão Cueca e o livro supercrocante da diversão, além de uma história em quadrinhos inédita, “Peter Pum e a cueca da justissa”, os leitores irão encontrar caçapalavras, dicas para desenhar os personagens, labirintos e cruzadinhas. Há também piadas, pegadinhas, uma aventura em que o personagem principal é o próprio leitor e uma cartela de adesivos.

E para fechar o mês com chave de ouro, a Cosac Naify lança mais um livro do escritor Mario Bellatin, Cães heróis. O livro conta a história de um homem paraplégico, seu enfermeiro e trinta cachorros “prontos para matar quem quer que seja com uma única mordida na jugular”. Assim como Flores, obra publicada anteriormente, a edição brasileira do novo trabalho de Bellatin terá um projeto gráfico radical: um livro mutilado sem capa, envolto em plástico. O escritor brasileiro Michel Laub é quem a “quarta capa” do livro.

Gostaríamos de agradecer ao João Perassolo, da assessoria de imprensa da Cosac Naify, pelas informações fornecidas.

 

Rocco

The  ense of an ending http://www.literatsi.com.br/images/noticias/finkler-question.pngA editora Rocco tem um bom catálogo de autores nacionais, que não para de crescer. Patrícia Melo, Fernanda Young e André Vianco são alguns dos nomes que assinaram contrato com a editora. Em 2012, chegam mais reforços ao time da Rocco. Com duas coletâneas e um romance publicados, a escritora Paloma Vidal estreia na nova casa com o livro Mar azul, previsto para setembro. Fora do eixo Rio-São Paulo, chegam o escritor e psicanalista goiano Wesley Perez, Prêmio Sesc de literatura, e a e a paraibana Marília Arnaud, que participou de várias coletâneas de contos. Já na área de não-ficção, a historiadora Mary del Priori lança pela Rocco o livro A carne e o sangue, com trechos inéditos de cartas da princesa Leopoldina e que destaca o triângulo amoroso formado por esta, o Imperador e a amante dele, a Marquesa de Santos. Dos escritores que já estão há mais tempo na editora, a Rocco lança no segundo semestre a obra A região do inesperado, segundo volume da trilogia histórica do escritor e roteirista Max Mallmann.

Na literatura estrangeira, o destaque fica para O sentido de um fim, livro que deu a Julian Barnes o Man Booker Prize 2011. A obra chega às livrarias no segundo semestre. Finalista do prêmio que Barnes venceu, o livro de estreia de Stephen Kelman, Na língua dos bichos, chega em março. De Nick Laird, que vem se destacando na cena literária irlandesa, a Rocco lança em janeiro a obra O erro de Glover, que trata com agilidade e humor questões importantes do universo masculino amizade, amor, traição).

O gênero policial é uma das apostas da Rocco. A editora tem em seu catálogo escritores, como a japonesa Natsuo Kirino, que têm contribuído com a modernização da literatura policial. Em janeiro, chega o livro A loura, de Duane Swierczynski, que tem como características ironia cortante, ação frenética e linguagem cinematográfica. Outros dois lançamentos que devem fazer sucesso entre os fãs do gênero policial são os livros Faithful place, da jovem irlandesa Tana French, e Rogue Island, do veterano jornalista norte-americano Bruce deSilva.

Entre os títulos estrangeiros de não-ficção, a Rocco destaca Incógnito, do neurocientista estadunidense David Eagleman. Previsto para março, o livro apresenta os mecanismos não conscientes do cérebro, que dirigem diversas ações cotidianas, a nossa revelia. A obra foi destaques em importantes jornais, como The New York Time e Wall Street Journal.

Um muito obrigado especial a Cintia Borges, da assessora de imprensa da Rocco, pelas informações fornecidas.

 

Globo Livros

Em 2012, a Globo Livros lança os dois últimos volumes da reedição de Em busca do tempo perdido, de Marcel Proust: A fugitiva e O tempo redescoberto. Ambos os livros terão revisão da professora Olgária Matos e prefácio, notas e resumo do professor Guilherme Ignácio da Silva.

Outro autor clássico que terá obras publicadas pela Globo é o francês Honoré de Balzac. A editora lança os dois primeiros volumes de A comédia humana.

Com tradução direta do árabe, feita pelo professor Mamede Mustafa Jarouche, também chega às livrarias em 2012 o quarto volume do clássico Mil e uma noites.

A ganhadora do Nobel de 2009, a alemã Herta Müller terá mais um livro no catálogo da Globo. A nova obra tem o título, provisório, de Sempre a mesma neve e sempre o mesmo tio.

Outro autor contemporâneo que terá um livro lançado em 2012 é o espanhol Javier Cercas. A obra Anatomia de um instante foi eleita pelo suplemento literário Babelia, do jornal El Pais, como o melhor livro editado em 2009.

Um muito obrigado a Drielle Sá Cerri, da assessoria de imprensa da Globo Livros, pelas informações.

 

Galera Record

O selo Galera Record publica obras destinadas ao público infantojuvenil e juvenil. Em seu site, o selo anunciou os títulos programado para o primeiro semestre de 2012.

Em fevereiro, chega o primeiro volume da trilogia ambientada no universo do seriado The Walking Dead. Escrito por Robert Kirkman e Jay Bonansinga, o livro irá contar a origem do Governador, o principal vilão do universo do seriado. No mês seguinte, chega Irmandade, o segundo livro de Assassin’s Creed, série inspirada no jogo de mesmo nome. Também chega Extras, o quarto livro da série Feios, escrita por Scott Westerfeld. Em maio, será lançado o primeiro volume da série Preceitos mortais, de Cassandra Clare, cuja história é ambientada no universo de Instrumentos mortais. Já em junho, chega Dias escuros, o quarto livro da série Ardiloso Cortês.

A lista completa com os títulos da Galera Record pode ser vista no site do selo.

 

Por ora, são esses os lançamentos de que temos conhecimento. Não deixe de nos seguir nas redes sociais, pois é através delas que iremos divulgar as atualizações dessa notícia. Estamos no Twitter, Facebook, Skoob e Google+.

Data da última atualização: 18 de janeiro de 2012. Informações do selo Galera Record.

Comentários (4)
  1. Reginaldo

    26 de janeiro de 2012 - 10:10

    Gostaria de saber qual a previsão do lançamento dos dois primeiros volumes de “A comédia humana”, de Balzac, pela Editora Globo.

  2. Luiz Fernando Cardoso

    28 de janeiro de 2012 - 19:56

    Reginaldo,

    Por enquanto, não há previsão.

  3. andré

    19 de fevereiro de 2012 - 12:25

    gostaria de saber a data de lançamento da sequência de o inimigo, de charlie higson

  4. Luiz Fernando Cardoso

    19 de fevereiro de 2012 - 19:37

    André,

    Por enquanto a Galera Record não anunciou nenhuma data.

Deixe um comentário

Nome *




* Campos obrigatórios

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba atualizações do site

Powered by FeedBurner

 

Livraria Cultura - Clique aqui e conheça nossos produtos!

 

 

Copyright © 2009 Literatsi. Todos os direitos reservados.
Powered by WordPress